quarta-feira, julho 05, 2006

Ser mãe é padecer no paraíso...

Pois é, não poderia haver frase melhor do que essa...agora vivo essa realidade, e por esse motivo - por agora - esclareço o meu sumiço. Quase 3 semanas desde o nascimento da Rebecca, e minha vida está uma loucura.

Mas, voltando um pouco, deixa eu contar sobre "o" dia.

Saímos cedo (antes das 6 da manhã) em direção ao hospital. No peito, aquele aperto... acho que a ansiedade era muita. Vontade de chorar, de apreensão, de alegria, um monte de sentimentos misturados que nem eu conseguia me entender...

Depois de acertar a papelada no hospital, fomos pro labor & delivery. Lá, me deram aquela camisola de hospital horrível, e por lá fiquei esperando. Logo começaram a monitorar as batidas do coração da Rebecca (que aliás, eu ainda estava incerta se seria mesmo menina, ou como outros diziam, um menino), checavam a minha pressão a todo o momento, e tiraram meu sangue mil e uma vezes, principalmente para guardar e enviar junto com o sangue do cordão umbilical do bebê (Fizemos o processo todo. Aliás, quem tiver dúvidas sobre esse processo, me pergunte... tenho até descontos que me enviaram).

Mas aí pronto, a ansiedade chegou à um ponto em que parecia que eu ía explodir! E o que a manteiga derretida faz? Chora né!!! Não é surpresa que meu apelido era "buá" quando criança. O Brandon todo feliz não entendia nada, não entendia o motivo do choro, e então mandei chamar minha mãe... porque essas horas, só mãe mesmo pra entender.

Chorei, chorei... aí melhorei, ufa!

Aí vomitei... e olha que nem tinha tomado nenhum medicamento (acho!). Não vomitei quase nada né, já que nem água estava tomando desde a meia noite...era pura azia que me perseguiu os últimos meses de gravidez. O bebê nasceu, e num passe de mágica, a azia sumiu pra sempre...

Mas voltando... Minha mãe me acalmou, saiu e voltou o Brandon, que teve que se vestir de "snowman" pra entrar na sala de cirurgia, parecia um palhaço...

A pior parte... A ANESTESIA. Foi a spinal. O anestesiologista primeiro dá uma anestesia no local que vai dar a spinal. Sento abraçada à um travesseiro, e uma enfermeira me segura também... e aí pra acertar o lugar certinho na espinha é um sufoco... dói até. Agora, o que acontece com a spinal, como explicou o médico, é que eu ainda sinto o toque na pele, só não sinto dor! Aí começam os testes... "você sente isso?" e ele me dá um beliscão... "sente esse?!" dá outro beliscão, e assim vai, até notarem que eu não sinto mais dor. Quando percebi, já tinham me cortado toda, e eu nem "tchum"...

Como piada sem graça vem sempre na hora errada, pra "animar" a situação, o meu marido solta um comentário e tanto...: "hey baby, I see your guts". Não, sem comentários...

De repente... aí vêm ela... (pois é, ELA!!!) , e os comentários : "nossa, quanto cabelo! olha os cilhos que lindos", e assim foi, escutei o choro dela pela primeira vez, e não tive como não me emocionar... chorei, chorei, chorei. Quando à vi pela primeira vez, foi amor a primeira vista. Estou apaixonada!

O Brandon saiu da sala, e levou a Rebecca junto. Aqueles momentos, quando fechavam a incisão durou uma eternidade. Mas quando ví a minha pequena de novo, tudo passou...

O primeiro dia foi bem difícil...nada ficava no meu estômago, e digo NADA, nem água. Tudo eu colocava pra fora. Efeitos da anestesia...melhorou no segundo dia. Fiquei no hospital quase 4 dias no total, e minha mãe dormiu comigo lá todas as noites. A Rebecca podia ficar comigo no quarto o tempo todo se eu quisesse, e embora as vezes eu a mandasse pra nursery, logo logo eu sentia saudade e pedia pra trazê-la de volta. Esse sentimento ainda é novo pra mim, e ainda assim, incrível.

A volta pra casa

A primeira semana foi difícil... Senti muitas dores, embora não mais do que estava esperando. O Brandon e minha mãe me ajudaram bastante. Logo no começo, caí no banheiro tomando banho, e as dores aumentaram, mas de novo, não mais do que eu esperava. Ainda acho que valeu a pena optar pela cesária... já estou quase boa.

Estou amamentando, e agora, na terceira semana meu seio esquerdo começou a rachar... Dói, dói muito mesmo! Quando o meu leite não é suficiente, complemente com fórmula. Dormir é quase uma palavra distante no meu vocabulário... é onde ainda estou penando. Ando cochilando na sala, e deixo o Brandon dormir no quarto, já que alguém tem que trabalhar nessa casa. Assim ele descansa bastante e vai trabalhar inteiro no dia seguinte. Mas é difícil...ficar sem dormir acaba comigo! Ainda bem que ainda tenho ajuda, senão, tava perdida...

Falando em ajuda, minha mãe vai embora no próximo Domingo, e nem posso tocar nesse assunto, vou deixar pra sofrer depois...

A Rebecca é a coisa mais fofa do mundo... As vezes parece que ainda não caiu a ficha. Parece não, acho que ainda não caiu. Ainda não acredito que essa pessoinha veio de dentro de mim.

No fim, tudo vale a pena... Tudo o que passou... o enjôo pela manhã, a azia interminável, engordar 22 kilos, passar mil e uma noites sem dormir... tudo vale a pena quando olho o rostinho dela, e me apaixono de novo e de novo.

Esse deve ser o amor de mãe que sempre me disseram...

17 comentários:

Aline disse...

Ai Milga!
Q coisa mais linda! Imagino, de longe, como deve ter sido td! Nao vejo a hora q isso aconteca comigo, mas primeiro vou curtir a volta, o noivo, os preparativos do casorio e namorar uns 2 ou 3 anos... depois pensamos em filhos!

Agora, ta ai! Uma vida inteira p/ admirar, aprender e amar c/ essa menina fofa!

Beijos nela e p/ vcs!

Thelma disse...

Cyn!
Como sempre tu tens o dom da palavra. Adorei saber os detalhes do parto. Quem sabe no futuro, neh? Soh preciso achar o marido! ;-)
Eu to indo pra Ottawa no Sabado... Quem sabe tu nao leva a Rebecca pra conhecer o Canada?!?
Tudo de muito bom, linda! E continua mantendo a gente informada, mesmo com o seu new full-time job!
Beijocas

Pri Cassou disse...

Minina!! TE achei!! rsrs Me comunicava com vc há dois anos atrás, quando vc ainda fazia Au Pair. Agora vc já é casada e tem uma filha!! rsrs Que alegria!!

Não sei se vai lembrar de mim. Vc até colocou meu link no teu blogger na época... rsrs Não importa! Só sei que NADA É POR ACASO! rsrs

Estou muito orgulhosa por vc!! Fico feliz que esteja bem aí nos EUA. Tenho muitas coisas pra contar tb... Trabalhei 6 meses num navio, conheci lugares...

Vamos nos falando! rsrs Tudo de bom pra vcs todos!! Felicidades!! Beijo

angela disse...

Querida Cynthia

Que lindo post!
Por aqui, na Alemanha, a maioria das minhas amigas já tem um bebê, mas nunca ninguém escreveu sobre a hora do parto...mas todas tem a mesma opiniao que vc : vale muiiiiiiiito a pena e o que passou, passou.
Desejo prá vc, tudo di bom, muita saúde e muitas alegrias com a nova pequena.
beijao

angela

Lele disse...

Cyn,

Ai, vc quase nos mata de ansiedade, ficando tanto tempo sem postar!! :)

Fico emocionada de ler o que tu escreve... realmente lindo... ser mãe é uma benção...

Parabéns, e curta muitoooo a Rebecca!!

ANA PAULA SOLDI disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
ANA PAULA SOLDI disse...

Oi Cyn, tudo bem? Estava anciosa para saber como foi tudo, entrava todos os dias, pra saber noticias de voces.
Que bom voce descrever estas coisas assim eu já vou me preparando para o parto, e imaginando como vai ser tudo quando o bebe nascer.um beijo enorme, Ana

Pry disse...

Bom saber dessas experiencias, sentimentos.. imagino seu sorriso de felicidade. bjs

Faby disse...

Oi Cyn, fiquei super feliz de ver que deu tudo certo pra voces todos. Ela parece linda! Coloca fotinhos dela no blog.
Eu descobri que o meu bebe esta virado e hoje tentaram desvirar ele. Foi terrivel. Nao desejo pra ninguem!
Ele nao virou, nao adiantou nada e eu provavelmente estou indo pra uma cesarea. Estou bem assustada!

Bom, tenho mais consultas ainda e todos dizem que ele ainda pode virar. Vamos ver.

Nao gosto de medicos!

Laura disse...

Cyn, voce sabe resumir bem a estoria, hehe! Eu teria escrito umas 10 paginas no assunto.
Eu sei muito bem como sao essas emocoes que voce descreveu. Nossa, eh tudo tao estranho! Eu chorei ate saindo da maternidade com Paulzinho. Morrendo de medo de botar ele na cadeirinha do carro! hehe!! Eh assim mesmo, depois vai passando.
Rebecca dorme de noite? Paulzinho nao dormia nada nos primeiros 3 meses.
olha, se voce precisar trocar umas figurinhas, se precisar de alguma coisa, pode me perguntar, ta? Eu nao sou perita nao, porque voce sabe, perita a gente nunca se torna nesse lance de mae. Eh um constante aprendizado e esses bebezinhos nao vem com manual de instrucao. Mas eu sei o sentimento, e as preocupacoes, e as duvidas, e se voce precisar, estou aqui pra voce.
Quero ver mais fotos dela!
Beijos para voces duas!

Monica disse...

Cyn, tenho vindo aqui direto pra saber tudoo como foi, a gente tem vntade de chorar junto com vc hahahaha

Eu queria mto saber tuuuudo sobre o lance do cordao umbilical, vc me mandaria as infos que vc tem? descontos e etc? Nao faco ideia de quanto custe!!

Beijocas e boa sorte com a Rebecca!!

rita disse...

Oi Cyn, que bom que vc teve sua mae com vc tempo todo e tal, a minha nem vem me visitar ta loco....
Menina me fala o que vc disse pro seu medico deixar vc fazer cesarea?? Acho que quero fazer tbm, to com medo do parto hehe
E tu me deixou com mais medo ainda da anestesia....
Outro dia fui tirar sangue e achei a agulha muito grande e nao deixei a enfermeira tirar meu sangue hehehe
Mas que bom que ta indo tudo bem com vc.....
Me da umas dicas do cordao? eu recebi um panfleto mas eh caro demaisssss...
beijuss

Claudia disse...

ai cyn... que lindo! Uma pena que dona Cristina ja se vai... e eu nem consegui visitar a Rebecca ainda... vai ter q ficar pra depois da minha volta do Brasil.

Nath disse...

nossa to emocionada, não sei nem o que dizer!
que lindo, imagina que coisa fofa essa nenem, ainda mais eu, que odeia criança sabe! haahaa ai que linda, queria ver ela!
mas tudo de bom pra vcs viu! ela é linda.. e vale mesmo a pena tudo que se passou!
beijosss

Anônimo disse...

Very cool design! Useful information. Go on! Truth about vitamin supplement Affordable dental insurance miami cooking schools Download strip black jack 2004 Allegracomm Commit suicide klonopin Chevy 327 jeep tranmsiion Erectile dysfunction cervical fusion claritin allegra difference subaru xt6 parts Lolo ferrari clubs Breaker circuit marine Us home appliance insurance long term side effects of allegra 180 carver allegra allegra online pamela anderson bare naked and alone

Anônimo disse...

Very nice site! »

Anônimo disse...

Excellent, love it! video editing programs